Educação


Secretaria de Educação de Xanxerê fomenta a cultura empreendedora nas escolas

Por: Sanny Borges 13/06/2022 às 13:35 Atualizado: 20/06/2022 às 16:10

Proporcionar o debate, o estudo e a prática do empreendedorismo nas salas de aula como alternativa para estimular o comportamento empreendedor nas crianças e nos adolescentes das unidades escolares do ensino fundamental da rede municipal. Esse é o propósito do programa Jovens Empreendedores Primeiros Passos (JEPP), realizado em Xanxerê pela Secretaria Municipal de Educação e pelo Sebrae/SC, no eixo de educação empreendedora do Programa Cidade Empreendedora.

Para aprimorar esse trabalho de fomento ao empreendedorismo na escola são realizadas constantes ações, a exemplo de capacitação dos professores que atuam do 1º ao 9º ano do ensino fundamental, entrega do material didático, acompanhamento das atividades realizadas em sala de aula e avaliação do desenvolvimento do projeto. Na última semana foram realizadas visitas nas unidades escolares com o objetivo de esclarecer dúvidas sobre a metodologia, coletar sugestões para abordar a temática do empreendedorismo com as séries iniciais e ouvir o relato dos profissionais da educação.

> Receba notícias do TSX pelo WhatsApp

De acordo com a secretária municipal de Educação, Vera Lúcia Corrêa, fomentar o assunto da educação empreendedora nas escolas municipais representa um avanço porque proporciona aos alunos serem protagonistas do projeto e não apenas ouvintes. “Em nossa sociedade só teremos mudanças se iniciarmos as transformações pelas escolas. A inserção da metodologia do empreendedorismo remete a uma transição de vida, com um novo olhar para o mundo ao seu redor”, comentou.

Vera ressaltou que abordar o empreendedorismo na escola gera vantagens para os alunos, como: independência, conhecimento das potencialidades, senso de responsabilidade, estímulo às ideias criativas, desenvolvimento de liderança, aumento da autoconfiança e comprometimento com a sociedade. “Essa prática se baseia na apresentação de conteúdos e demandas que exigem dos alunos um comportamento proativo para vencer as dificuldades. Assim, eles ficam mais preparados para enfrentar cenários que exigem senso crítico e capacidade de tomar decisões de forma rápida e precisa”, explicou.

Segundo o gerente regional do Sebrae/SC no Oeste, Udo Martin Trennepohl, no JEPP são desenvolvidas metodologias empreendedoras que capacitam os participantes, preparando-os para um futuro empreendedor em suas vidas, nos negócios e nas empresas ou entidades que atuarem. O programa fomenta a cultura empreendedora e apresenta práticas de aprendizagem que consideram a autonomia do aluno para aprender, o desenvolvimento de atributos e atitudes necessários para a gerência da própria vida. (MB Comunicação)

* Siga o Tudo Sobre Xanxerê no Instagram e curta nossa página no Facebook 

Fotos: PMX

Anterior Próximo

ÚLTIMAS NOTÍCIAS