Xanxerê


Temporal pode ter causado queda de aeronave que matou casal de Xanxerê

A informação preliminar foi divulgada pela Polícia Federal
Por: Sanny Borges 13/05/2024 às 10:01 Atualizado: 20/05/2024 às 18:26

Um temporal pode ter causado o acidente aéreo que matou o casal de Xanxerê, Márcio Antônio Neiss, de 44 anos, e sua esposa Meilene Cristina Cirino Neiss, de 42 anos, na última sexta-feira (10), no município de Barcarena, no estado do Pará. A informação preliminar foi divulgada pela Polícia Federal (PF), que investiga o caso.

Segundo o que foi registrado na delegacia da Polícia Civil de Vila dos Cabanos, o acidente ocorreu por volta das 16 horas na área de mata do Ramal do Linhão, Arapari, em Barcarena.

A hipótese inicial levantada, com base em relatos colhidos pelos policiais civis, é de que a aeronave caiu durante uma forte chuva. O piloto teria sobrevoado duas vezes um campo de futebol com aparente intenção de pouso, mas não conseguiu por conta do temporal.

Ainda segundo informações, a aeronave, que saiu de Paragoaminas/PA e tinha como destino Belém/PA, foi encontrada após moradores locais acionarem as equipes de resgate do Corpo de Bombeiros Militar do Pará (CBMPA) e da Polícia Militar do Pará (PMPA).

Ao chegar no local, as equipes confirmaram a morte de três pessoas, sendo do casal Márcio e Meilene, e do piloto da aeronave, identificado como Silvio Cesar de Miraes, de 47 anos, natural de Rio Claro/SP.

A PF realiza perícia detalhada no local da queda da aeronave desde o início da tarde de sábado (11). O inquérito policial vai apurar as causas e circunstâncias do acidente.

Márcio atuava há mais de 20 anos na empresa Hacker Industrial e Meilene trabalhou por alguns anosna academia CFBX CrossFit Xanxerê. O casal tinha dois filhos.

Os corpos de Márcio e Meilene ainda seguem no estado do Pará, sem previsão de liberação para o velório, o qual deve acontecer em Xanxerê.

Fotos: Redes Sociais

Anterior Próximo

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Coletamos dados para melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com nossa política de privacidade.