Saúde


Junho Vermelho e a importância de ser um doador de sangue

Nesta terça-feira (14) é comemorado o Dia Mundial do Doador de Sangue
Por: Repórter da Redação 14/06/2022 às 17:34 Atualizado: 21/06/2022 às 19:59

Para reforçarmos a importância da doação de sangue, o dia 14 de junho é comemorado o Dia Mundial do Doador de Sangue. Além disso, durante todo o mês de junho fica em evidência a campanha “Junho Vermelho’’, que serve para conscientizar e incentivar a população sobre a importância de ser um doador.

O mês foi escolhido por conta da baixa das temperaturas que se fazem presente nesse período, aumentando assim, as infecções respiratórias e outras enfermidades que fazem com que as doações diminuam, em média, 30%.

Em Xanxerê, o projeto que institui o Junho Vermelho foi aprovado no mês de maio pelo legislativo municipal. Desenvolvido por Adriane Franke Spilman, que na época estava atuando como vereadora do município, o projeto tem como principal objetivo incentivar campanhas de doação de sangue por parte dos xanxereenses. De acordo com Adriane, a conscientização da população é de vital importância para essa ação. “A doação de sangue é tão simples, rápida e que, na maioria das vezes, pode salvar milhares de vidas”, destaca.

Origem da campanha Junho Vermelho

No Brasil, a campanha foi criada em 2015 pelo movimento “Eu Dou Sangue”. A ideia da ação é trazer conscientização sobre o tema e homenagear doadores de sangue.

Como doar

• Para ser doador é necessário ter idade entre 16 e 67 (jovens de 16 e 17 anos devem estar acompanhados de um responsável legal) e ter idade máxima de 60 para a primeira doação;

• Ter peso superior a 50kg;

• Sentir-se bem e com saúde, estar alimentado;

> Receba notícias do TSX pelo WhatsApp

Não pode ser doador

• Quem estiver em jejum prolongado ou ingeriu alimentos gordurosos nas últimas 4h;

• Pessoas que ingeriram bebida alcoólica há menos de 12h;

• Pessoas que realizaram endoscopia nos últimos meses;

• Pessoas que fizeram tatuagem ou colocou piercing nos últimos seis meses;

• Pessoas que tiveram gripe ou febre nos últimos sete dias ou que já contraíram hepatite viral após 11 anos de idade;

• E grávidas que estiverem amamentando.

Para fazer sua doação entre em contato com o Centro de Hematologia e Hemoterapia de Santa Catarina (Hemosc), através do fone (49) 3700-6401/6410 ou pelo site www.hemosc.org.br/onde-doar.html

* Siga o Tudo Sobre Xanxerê no Instagram e curta nossa página no Facebook 

Foto: Divulgação

ÚLTIMAS NOTÍCIAS