Bombeiros


Vítima que morreu soterrada em Xanxerê tinha 23 anos

Por: Sanny Borges 12/05/2022 às 09:24 Atualizado: 19/05/2022 às 23:39

O corpo de Evandro Antônio de Lima Trein, vítima de soterramento na tarde desta quarta-feira (11), foi retirado do local após 5h de trabalho de equipes do Corpo de Bombeiros. O rapaz de 23 anos trabalhava em uma obra, na construção de um condomínio residencial, na rua Tomé de Souza, no bairro Aparecida, em Xanxerê, no momento do acidente.

Segundo uma testemunha, alguns colegas tentaram resgatar a vítima antes da chegada dos bombeiros, mas não obtiveram sucesso devido a quantidade de concreto e barro. Quando os socorristas chegaram no local do acidente, Evandro já estava em óbito.

*Receba notícias do TSX pelo WhatsApp

Como se deu o resgate

De acordo com os bombeiros, Evandro estava soterrado sob concreto, num pilar estrutural da fundação da edificação em construção, pilar este com aproximadamente quatro metros de profundidade. O concreto veio oriundo de outro pilar ao lado. 

A primeira ação dos membros da Força Tarefa com curso de deslizamento, foi determinar a abertura de uma vala lateral ao pilar para acessar a vítima, com apoio de retroescavadeira, e remover água com uma bomba de água suja. Essa abertura foi bastante larga devido à instabilidade de solo.

No decorrer desse momento aumentou o fluxo de água vertendo do solo, o que dificultou a escavação. Após a abertura da vala, o acesso à vítima foi realizado utilizando desmanche hidráulico, no qual foi possível remover parcialmente o concreto e solo ao redor da vítima, até a altura do quadril.

O concreto já estava em fase de endurecimento, sendo necessário uso de inchadas e pás, alternando com o desmanche hidráulico para finalizar a remoção do corpo, que foi entregue aos cuidados do Instituto Geral de Perícias.

Ao todo, o trabalho de remoção do corpo durou cerca de 5h, envolvendo duas retroescavadeiras, 19 bombeiros (militares e comunitários) e o uso de técnicas de resgate apropriadas para situações de soterramento.

Evandro era natural de Trindade do Sul/RS e segundo sua irmã, morava atualmente em Chapecó.

*Siga o Tudo Sobre Xanxerê no Instagram e curta nossa página no Facebook

Fotos: Bombeiros

Anterior Próximo

ÚLTIMAS NOTÍCIAS