Agricultura


Estiagem faz todos os municípios da Amai decretarem situação de emergência

Por: Francieli Corrêa 15/01/2022 às 09:49 Atualizado: 22/01/2022 às 18:29
 Foto: Ricardo Wolffenbuttel/Secom

Todos os 14 municípios da região Amai decretaram situação de emergência, devido à falta de chuvas que se intensificou nos últimos meses, causando grandes prejuízos em todos os setores, principalmente na agricultura. Já na região do Grande Oeste, 88% dos municípios estão com o decreto, sendo 81 dos 92 municípios da região.

O primeiro município da região Amai que efetivou o decreto foi Xaxim, no dia 22 de dezembro de 2021. O município de Xanxerê, junto de Coronel Martins, Entre Rios e São Lourenço do Oeste, decretou no dia 27 de dezembro de 2021.

Segundo dados da Defesa Civil, a estiagem já afetou mais de 44 mil pessoas na região, causando prejuízos públicos avaliados em R$ 921.678,81 e prejuízos nos setores da agricultura, pecuária, indústria e comércio de R$ 638.924.216,59. No município de Xanxerê, desde junho de 2020, a agricultura já acarretou um prejuízo de mais de R$ 48 milhões, nas culturas de soja, milho, feijão e pastagem, bem como na pecuária no ramo de suinocultura, avicultura e bacia leiteira.


> Receba notícias do TSX pelo WhatsApp

Nesta semana, prefeitos e secretários dos municípios da Amai participaram de uma reunião com o governador Carlos Moisés e a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, em Chapecó, com objetivo de debater soluções para mitigar os efeitos da estiagem que afeta Santa Catarina há três anos. O chefe do Executivo estadual, detacou que o Estado estará investindo pelo menos R$ 350 milhões até o fim do próximo ano em medidas de resiliência hídrica e que apenas em 2022, o Programa SC Mais Solo e Água destinará R$ 150 milhões aos produtores rurais, subsidiando a instalação de cisternas, poços artesianos, entre outras medidas.

O agronegócio responde por mais de 70% das exportações catarinenses. O secretário de Estado da Agricultura, Pesca e Desenvolvimento Rural, Altair Silva, destacou que o Programa SC Mais Solo e Água permite que o produtor consiga viabilizar até R$ 100 mil em empréstimos, com juro zero e desconto entre 50% e 75% se o pagamento ocorrer em dia. Na semana anterior prefeitos e secretários também participaram de uma reunião online com o secretário. 

O volume atual de chuvas no Oeste, Extremo Oeste e Meio Oeste está muito abaixo da média esperada, em torno de 150mm. Segundo a Epagri/Ciram, o verão no estado será de chuvas abaixo da média e temperaturas elevadas. Nos próximos três meses, a região Oeste deve enfrentar chuvas abaixo da média meteorológica.


* Siga o Tudo Sobre Xanxerê no Instagram 
* Curta nossa página no Facebook


Anterior Próximo

ÚLTIMAS NOTÍCIAS