Publicidade
Comunidade - 04 Out 2011 11:41

Uso de animais em carroças pode ser regulamentado em Xanxerê

Por: Carol Debiasi
Visualizações: 1244

Na manhã desta terça-feira (4), o vereador Paulo Boita e também membro do Conselho Municipal de Trânsito participou da reunião do Conselho, na Prefeitura, e tratou sobre o assunto da utilização de veículos de tração animal dentro do perímetro urbano do município.

Boita comenta que, através da Política Nacional de Resíduos Sólidos, deveria se aplicar a coleta seletiva em Xanxerê e que os catadores de materiais recicláveis se unissem e formassem uma cooperativa para se tornar algo mais organizado na coleta desses materiais.

- A carrocinha e o cavalo são usados principalmente por quem faz a coleta de material reciclável ao longo do perímetro urbano do município. Nós temos a Política Nacional de Resíduos Sólidos à obrigatoriedade dos municípios implantarem a coleta seletiva até 2014. A ideia é usufruir do processo, urbanizar essas pessoas em cooperativas e fazer com que eles façam a coleta dos resíduos sólidos, como ocorre em outros municípios. A cooperativa também seria remunerada de acordo com a Política Nacional pelo município, pelo serviço prestado – destaca o vereador Paulo Boita.

Regulamentar ou proibir utilização de animais
Há várias possibilidades de regulamentar a utilização de carroças e animais dentro do município, e o vereador Boita acredita que há dois caminhos para isso: regulamentar os veículos de tração animal ou extinguir o uso dos mesmos.

- Nós temos uma preocupação muito grande sobre as inúmeras irregularidades que tem ocorrido em Xanxerê, como maltrato em animais, enfim, em relação de uso de veículos de tração animal, carrocinhas e cavalos. Temos que fazer alguma coisa para regulamentar o uso dos veículos de tração animal dentro da cidade, isso em dois vieses que se pode trabalhar. O primeiro é regulamentar as carrocinhas e uso dos cavalos e passar a tratar do assunto como uma normalidade aqui no município sem um horizonte de acabar com isso e a segunda é propormos uma legislação transitória a extinção do uso da carroça e do cavalo – salienta Paulo.

Além disso, Boita comentou sobre a chipagem de animais (identificação), definir horário de tráfegos dos veículos de tração animal, coibir excesso de passageiros, conceitos mínimos de sinalização e impedir menores na condução das carroças.

A proposta do vereador será analisada pelos outros membros do Conselho de Trânsito, que, dentro de algumas semanas, irá debater sobre o assunto e verificar o que pode ser feito em Xanxerê sobre o uso de tração animal no município.

Uso de animais em carroças pode ser regulamentado em Xanxerê
Uso de animais em carroças pode ser regulamentado em Xanxerê

Imprimir
Enviar para um amigo
Assinar

Envie esta notícia para um amigo



Comente
esta notícia

Ao efetuar um comentário, o seu IP (Internet Protocol) será gravado e poderá ser utilizado para identificar o usuário que inseriu o mesmo.
Opiniões expressas aqui são de exclusiva responsabilidade do autor do comentário e não necessariamente estão de acordo com os parâmetros editoriais do Tudo Sobre Xanxerê.


Outros comentários

samuel - 05 Out 2011 12:37

sou contra as carocinhas deveria ser proibido,tem muitas familias q vivem disso, mas os animais sao muito mal tratados,eu tenho cavalo e o custo para mantelo bunito passa de meio salario minino por mes.e o lucro com a reciclage e muito poco,entao c nao tem condiçoes de te nao tenha o animal pra sofre,e passa fome.entao sr.vereador Paulo boita voto pela proibiçao

tranqueira - 04 Out 2011 18:38

uma vergonha uma cidade que quer ser grande permitir este tipo de trabalho com animais, embora isso não deveria existir em nenhum lugar do mundo grande ou pequeno, mas ando por ai em outras cidades e a unica que vejo isso é aqui em xanxere

Paulo Sergio Boita - 04 Out 2011 18:15

Caros internautas,

É muito importante a opinião de vocês sobre o assunto. Peço que se manifestem, pois a idéia é encontrarmos todos juntos o melhor caminho para resolvermos esta questão, da qual, TODOS, podem sair ganhando, pois há alternativa para isso. No entanto, precisamos ouvir ao máximo possível nossa sociedade, para sabermos sua idéia e transformá-la em lei, mas uma lei que seja passível de ser aplicada.
Me coloco à disposição para debater o assunto, como tenho feito com várias entidades.
Quem quiser e puder enviar sugestões, poderá fazê-lo através de meu e-mail boita7@gmail.com.
Conto com vocês, grande abraço, Paulo Boita

Nelci Bonatto - 04 Out 2011 17:21

Apoiado Claudete..
Faço minhas suas palavras, as vezes dá vontade de colocar o cara que está em cima da carroça puxa-la para ver como é bom, e ainda maltratam os cavalos??? Deus que me livre de algum dia eu me deparar com alguém maltratando um animal…prefiro nem comentar.
Está questão já deveria ter sido superada, mas antes tarde do que nunca.

falatchee - 04 Out 2011 15:41

É MUITO INTERESSANTE ESTA PROPOSTA DE REGULAMENTAÇÃO DESTA ATIVIDADE, ENTENDO QUE ESTAS PESSOAS TIRAM SEU SUSTENTO DESTA ATIVIDADE É JUSTO QUE SE TENHA A PREOCUPAÇÃO PELA MANUTENÇÃO E CUIDADO PRINCIPALMENTE COM ESTES ANIMAS QUE FAZEM A TRAÇÃO DOS VEICULOS EM QUESTÃO, SEI TAMBEM QUE A POUCO TEMPO ATRAS UM ACADEMICO DE DESIGN AQUI DE XANXERÊ DESENVOLVEU UM EXELENTE PROJETO (TCC) VOLTADO A ESTES TRABALHADORES, QUEM SABE UMA PARCERIA, DO PODER PUBLICO + INICIATIVA PRIVADA E COOPERATIVAS POSSA ALAVANCAR ESTE PROJETO. (FICA A SUJESTÃO)

Bicicleta.pq nao? - 04 Out 2011 14:50

Mas que barbaridade isso.

Sou completamente contra as carrocinhas,vejamos.os animais soh sofrem com o peso muito maior do podem suportar,abaixo de chicotadas que vcs podem ver nos bixos as marcas que tem,onde tem moscas e mosqitos,agua muito pouco comida muito menos.sem contar o transito.eh muito perigoso bater nessas carroças que seguram filas d carros no centro.tem que adaptar carrocinha nas bicicletas pra esse povo.senao qem vai sofre somos nohs e os cavalos.NAO VAMOS DEXAR REGULARIZAR O CAOS…

patrícia - 04 Out 2011 13:57

Parabéns pela iniciativa do vereador, espero que saia do papel, pois xanxerê precisa urgentemente uma politica de controle para as carrocinhas, os animais estão muito maltratados, e, quando não rendem mais como no início, são abandonados….eu apoio a iniciativa de extinguir o uso de carrocinhas em nosso município, assim como algumas cidades vizinhas já o fazem, a exemplo de São Miguel do Oeste que há tempos não permite o uso de animais em carrocinhas…!

terezinha - 04 Out 2011 13:39

tereza….. eu gostaria que elimanaçem mesmo.. os bichos sofrem de mais, na frente da população e uma coisa.. eu gostaria de ver como é o trato nas casas..porque não usar os carrinhos como antigamente…gente chega de ver sofrendo os miseravel cavolos chega por fovor eu morro de pena ver uns cavalos na rua que não tem nem força pra caminhar. com sede, fome , dor ...  parabéns boita pela sua iniciativa!!!

JOÃO - 04 Out 2011 12:54

Eu sou contra o uso de animais para o trabalho dos catadores de lixo, porque todo mundo pode ver na cidade os cavalos que são usados para esse fim estão todos em péssimas condições, disnutridos,doentes, machucados.Eu fico feliz quando vejo os catadores que adaptaram uma bicicleta no carrinho de catar lixo em vez de cavalos…..

Claudete - 04 Out 2011 12:49

Sr. Paulo Boita

Penso que o Sr. n deve pensar em regulamentar as carrocinhas e sim extinguir o uso delas. Quantos animais estão por aí andando quase q diuturnamente, mal alimentados, doentes, sem os equipamentos adequados. Outro dia eu estava subindo a avenida Brasil, e um Senhor estava batendo covardemente em seu cavalo que lhe dá o sustento, inclusive desceu da carroça abarrotada de entulho (pq n medem a quantidade de material, e n se importam se o cavalo aguenta puxar morro acima tudo aquilo) ele começou a dar soco e paulada na cara do cavalo, avisei a policia militar 190 da agressão eles informaram que estavam encaminhando uma viatura fiquei esperando e nada, avisei a policia civil falaram que eles iriam desde que eu fosse lá denunciar então vc quer regulamentar uma coisa dessas? por favor? vivemos em outros tempos século XXI.
A policia tem muita coisa para fazer sei disso, mas sei também que tudo que é contravenção é crime, n importa se é um animal a lei existe e acho que as denuncias devam ser atendida na hora q se faz.
Penso que poderiam ser criados vários pontos de coleta de recicláveis, e as pessoas os catadores se equiparem com carrinhos de alumínio, a Secretaria de Politicas Ambientais poderia muito bem custear esses carrinhos é material leve e os catadores podem fazê-lo sem promover cenas com animais.
Eu soube ainda, que tem processo no fórum referente a um um cavalo aqui de Xanxerê que foi apreendido apanhando porque não andava e quando foi pego estava com as costelas quebradas, por isso n puxava a carroça e estava apanhando.
Então muitas dessas pessoas n se importam com o animal e n é justo, porque eles sentem o mesmo que nós dor etc…., só q n falam para expressar o q sentem.
Então não queira regulamentar uma coisa dessas, lute sim, pelos carrinhos, isso sim será um grande exemplo, ainda mais, num momento em que se prima pelos animais.
Tem carroças que devem pesar 200 Kilos (só em pneu, tábuas etc…) fora a carga de entulhos, os proprietários que andam em cima e ainda cavalos sem ferraduras, e demais equipamentos fora das normas

Leandro Dickel - 04 Out 2011 12:16

eu acho que deveriam proibir a circulação destas carroças no centro pelo menos, eles não respeitam o transito, param em qualquer lugar, enfim podem causar algum acidente.

Caso o comentário acima for abusivo ou seu nome for utilizado indevidamente, denuncie.

Notícias por data:

a
Voltar